Você está aqui
Home > Livros > Resenha de Livro: “Garota Replay”, de Tammy Luciano

Resenha de Livro: “Garota Replay”, de Tammy Luciano

Todos os textos produzidos pela Up! Brasil não podem ser reproduzidos – total ou parcialmente – sem autorização. Cópias não autorizadas e plágios são crimes previstos no Código Penal.

Autor: Tammy Luciano
Editora: Novo Conceito
Páginas:144

nota4

“O que você faria se encontrasse você mesma?”. Com um subtítulo que instiga a atenção do leitor, “Garota Replay” vem como uma novidade no mercado da literatura juvenil brasileiro com a estória de Thizi, uma carioca, moradora da Barra da Tijuca e super alto astral que está vivendo a maior fase negra de sua vida. O namorado a traiu em uma boate na frente de todos os seus amigos, resultando em uma briga feia entre ele e seu melhor amigo, Tito. Fora a briga, Tadeu (o namorado) saiu dirigindo embriagado que nem um louco e acabou causando um grave acidente.

Para completar a confusão, Thizi encontra em uma boate uma garota igual a ela. Quando eu digo igual, não é parecida, como se os olhos fossem iguais ou alguma parte se assemelhava a ela. É IGUAL mesmo! Sem saber se ela era uma irmã gêmea, um ET ou sei lá o que, Thizi fica com a pulga atrás da orelha até que sua garota replay fala com ela e explica tudo (que não vou falar, né?)

Agora ela tem que aprender a viver sendo a fofoca da semana, tentar reconstruir sua amizade com Tito que desde o acontecido não fala com ela, resolver sua situação com Tadeu e conviver com a existência de uma garota igual a ela e tão perto.

Devo confessar que no primeiro momento quando li a sinopse fiquei com vontade de ler, depois fiquei meio receosa, não sei por que. Talvez seja a temática, ou até mesmo um preconceitozinho. Enfim, depois de muito adiar, consegui ler o livro e olha, não é que eu gostei?

Cheio de situações que podem acontecer com qualquer adolescente normal (tirando o fato da replay, ou não…). Com um tema bastante abordado nesse mundo “adolescente” (pais ausentes, bebida e direção, amizades verdadeiras e etc), bem escrito e tudo mais, Tammy Luciano, essa autora fofa que tive o prazer de conhecer, mostra que chegou para ficar no mercado literário brasileiro.

Respondendo a pergunta do subtítulo: acho que sairia correndo, morrendo de medo. E você, o que faria?

Suelen Dias
Jornalista e mercadóloga, super ligada no mundo pop. Adora um bom livro, uma boa série e ir ao cinema. Escritora frustrada, adora viajar, nutre um amor profundo e eterno por Londres.

Deixe uma resposta

Top