Você está aqui
Home > Colunas > Ponto Up! – Filmes que lembram infância/adolescência nos anos 90/00

Ponto Up! – Filmes que lembram infância/adolescência nos anos 90/00

Quem cresceu nos anos 1990 e 2000 sabe como teve muito filme marcante. Clássicos da Sessão da Tarde, filmes que passavam repetidamente de 2 em 2 meses na televisão, alguns até valendo reboots atualmente. Com muita aventura, muita comédia e romance, estes são alguns dos filmes que lembram a infância e adolescência nos anos 1990 e 2000 (olha a velhice mostrando).

Esqueceram de Mim (1990)

Todo Natal que se preze precisa passar Esqueceram de Mim. Não é esta data comemorativa se não vemos as aventuras de Kevin Callister ao ficar sozinho em casa após ser esquecido por seus familiares ao saírem de viagem e as formas pra lá de inspiradas para proteger sua residência de dois ladrões.

Os Batutinhas (1994)

Com esse filme aprendemos que nem sempre é legal essa tal “guerra dos sexos”. E quem melhor que nos ensinar sobre dramas da vida e primeiro amor do que crianças?

Lua de Cristal (1990)


Um clássico infantil brasileiro em que tínhamos o maior ícone do público no papel principal e sendo par romântico de outra personalidade bastante conhecida do meio da criançada. Quem não sofreu com Maria das Graças quando ela foi morar com a tia e aqueles primos? Muito Cinderela brasileira.

Matilda (1996)


Matilda é uma menina especial, autodidata e que adora ler. Ao convencer seus pais a frequentar à escola, ela descobre que tem talentos especiais para proteger seus amigos e sua querida professora de uma diretora que é o cão.

Jumanji (1995)

Um jogo de tabuleiro bem mais interativo do que qualquer um que tenha sido lançado atualmente. Em uma partida que durou mais de 20 anos, ele levou praticamente uma selva para uma cidade, fez um menino virar macaco, criaturas reais apareceram magicamente e ainda aparece um caçador para aterrorizar os quatro jogadores. Era muita aventura e nervosismo em 1h40 de filme!

As Namoradas do Papai (1995)

Figurinhas repetidas em filmes infantis nos anos 1990, as gêmeas Olsen protagonizam mais um filme das “gêmeas idênticas que não sabiam da existência uma da outra e que resolvem trocar de lugar”. Apesar de bem clichê, o filme nos faz dar boas risadas e torcer para que o plano delas dê certo.

Um Amor para Recordar (2002)

Um amor meio impossível, entre uma menina tímida e filha de pastor e o badboy da escola. Landon que não podia se apaixonar por Jamie, que virou o milagre dela. Um filme que arrancou suspiros de muitas adolescentes quando foi lançado, apesar de toda a carga dramática da história.

Lizzie McGuire – Um Sonho Popstar (2003)

Aquele filme clichê em que a personagem viaja para outro país e descobre que é a cara de uma personalidade famosa e ainda tem que ficar no lugar dela. Viver no glamour dos famosos, uma riqueza. Mas claro que para tudo há uma consequência, que é bem aprendida pela personagem. E a gente ainda termina o filme com “hey now, hey now, this is what dreams are made of…” na cabeça.

O Diário de Uma Princesa (2001)

Sonho de qualquer menina, acordar um dia e descobrir que é herdeira de algum reino tão distante. E foi o que aconteceu com Mia ao conhecer sua avó, a rainha de um principado na Europa. Em meio a várias coisas engraçadas, vemos a adaptação de Mia a essa novidade e as consequências dessa notícia tão bombástica em sua vida e nos relacionamentos com seus familiares e amigos.

Meu Primeiro Amor (1991)

I’ve got sunshine on a cloudy day, when it’s cold outside I’ve got the month of May… Well, I guess you’d say, what can make me feel this way?.. My girl, talkin’ ‘bout my girl…
Vada é uma garotinha de 11 anos que perdeu a mãe cedo e tem uma relação distante com o pai, um agente funerário. Quando ele se envolve com Shelly, uma maquiadora extravagante, Vada quer separa-los. Nesse tempo ela se apaixona pelo professor de inglês e seu melhor amigo é Thomas. Porém, o grande amadurecimento de Vada vem quando Thomas morre com choque anafilatico após tentar resgatar o anel que pertenceu a mãe de Vada e ser atacado por um enxame de abelhas. É triste, é amoroso, é emocionante.

As Patricinhas de Beverly Hills (1995)

Desafio qualquer garota que assistiu esse filme e não morreu de vontade de ter um closet como o da Cher e poder visualizar suas combinações no computador. Além disso, Paul Rudd se tornou o irmão postiço dos sonhos de todas as meninas. Cher nos ensinou muito de futilidade, mas também nos ensinou que não devemos ficar jogando biscoito para os garotos.

Coração de cavaleiro (2001)

Heath Leadger arrancou milhares de suspiros das meninas com esse filme. Em tons medievais, figurino estiloso e trilha sonora bem moderna, é um dos melhores filmes de que temos na Sessão da Tarde. “Você foi pesado, foi medido e considerado insuficiente”, quem não se lembra dessa frase do Conde Adhemar para nosso Will?

10 coisas que odeio em você (1999)

Se você não gosta desse filme e não para tudo o que está fazendo quando esse filme está passando, então assiste de novo porque você assistiu errado. Um dos melhores romances adolescentes de amor x ódio sem sombra de dúvidas. Você com certeza se identifica com um dos personagens do filme. E mais certo do que o sol nascer no leste é que você amou Heath Leadger cantando “Can’t Take My Eyes Off You”. Saudades, Heath ♥

Pânico (1997)

Foi o pioneiro de uma leva de filmes de terror/suspense da nossa adolescência. Sidney Prescott era a mocinha que se tornou alvo de um assassino lunático que usava uma máscara para matar as pessoas. Coisas que Pânico nos ensinou: nunca suba as escadas quando um assassino estiver na sua casa, nunca fique no telefone com um desconhecido, as virgens sempre sobrevivem e o cara popular sempre morre. A melhor parte era assistir aos filmes com os amigos.

De Repente 30 (2004)

Quando éramos crianças, queríamos ser adultos. Achávamos que tudo ia ser fácil, que iríamos ter dinheiro, iríamos ser independentes e fazer o que quiséssemos. Porém, Jenna descobre que a vida de adulta não é bem assim como imaginava. Depois de ter seu desejo realizado após um aniversário fracassado, ela acorda com 30 anos numa vida muito diferente do que imaginou. Imagina se a moda pega?

Meninas Malvadas (2004)

A Regina George é perfeita“. “Uma vez, ela me socou no rosto… Foi incrível“. Quem não conhece a rainha da po##@ toda Regina George? Se não conhece, você precisa correr para corrigir esse erro e rezar para ela nunca descobrir. Regina é a rainha do grupo mais popular do colégio, chamado “Os Plásticos”. Eles têm regras rígidas e se você quiser se sentar com eles, cumpra as regras. Cady é a novata estranha no colégio e faz de tudo para ser aceita no grupo. Até que ela percebe que está se tornando algo muito ruim e que não é isso que quer. Ela não está preocupada mais em entrar no Livro do Arraso porque na verdade, nenhuma menina deveria estar ali. Cady é ou não é uma feminista adolescente? Porém, não se esqueça: às quartas, usamos rosa.

Colaboração: Renata Alves
Suelen Dias

Jornalista e mercadóloga, super ligada no mundo pop. Adora um bom livro, uma boa série e ir ao cinema. Escritora frustrada, adora viajar, nutre um amor profundo e eterno por Londres.

Deixe uma resposta

Top