Você está aqui
Home > Filmes > Crítica de Filmes > Crítica de Filme: “Os Penetras”

Crítica de Filme: “Os Penetras”

Todos os textos produzidos pelo Up! Brasil não podem ser reproduzidos – total ou parcialmente – sem autorização. Cópias e plágios são crimes previstos no Código Penal.

Título original: Os Penetras
Brasil , 2012 – 94 min.
Comédia
Direção: Andrucha Waddington
Roteiro: Andrucha Waddington, Nina Crintzs, Rafael Dragaud, Marcelo Vindicato
Elenco: Marcelo Adnet, Eduardo Sterblitch, Mariana Ximenes, Stepan Nercessian, Susana Vieira, Babu Santana, Andrea Beltrao, Luiz Gustavo, Luís Carlos Miele, Elena Sopova

Sempre assisto a um filme Brasileiro com um pouco de preconceito, mas não é por menos. Salvo alguns bons filmes, as comédias Brasileiras já ficaram tachadas como escrachadas. E Os Penetras não poderia deixar de ser diferente.

Contando a história de um típico malandro carioca, Marco (Marcelo Adnet), que encontra Beto (Eduardo Sterblitch), um rapaz do interior inocente que está atrás do perdão de sua amada ex, Laura. Vitima perfeita para seu novo golpe, Marco decide ajudar Beto e ir encontrar com a tal Laura e começa a abusar financeiramente do “pobre” Beto. E assim começa toda a confusão do filme.

A atuação dos dois comediantes prova que se eles quiserem seguir com a carreira de ator e saírem de seus programas, vai dar certo. O resto do elenco começa e termina com atuações dignas de novela da Globo, estáticas. O filme gera algumas risadas, mas em alguns pontos o tédio reina e o que seria 1h30mim de filme, acaba virando uma eternidade, quando ele só pega o ritmo e prende a atenção já pro final.

Fico aqui pensando como um diretor tão bom como Andrucha Waddinton conseguiu fazer algo tão estranho, apesar de ter acertado na fotografia e alguns pontos técnicos positivos, que com certeza não inclui o roteiro.

 

Suelen Dias
Jornalista e mercadóloga, super ligada no mundo pop. Adora um bom livro, uma boa série e ir ao cinema. Escritora frustrada, adora viajar, nutre um amor profundo e eterno por Londres.

Deixe uma resposta

Top